Satellaview

A Nintendo projetou o Super Nintendo para que recebesse uma possível expansão no futuro. Como o contrato com a Sony não deu certo (que originou o PlayStation), a Nintendo pensou em um periférico novo para aumentar o ciclo de vida do console. Então, em 23 de abril de 1995, o Satellaview, também chamado de BS-X, foi lançado para o Super Nintendo custando 14,000 yen ($150). Ele permitia que jogadores baixassem demos de jogos, novos mapa, jogos totalmente novos, notícias e etc…

O Satellaview se conectava a um satélite digital chamado St GIGA, Bs-5 (BS também é o nome do satélite). O serviço funcionava entre as 16:00 e 19:00 horas, permitindo downloads a escolha do usuário e que eram armezenados em um cartucho de 1MB, além de participar de quizzes, enviar placar de jogos, etc. Esse tempo limitado era causado ao fato de o St GIGA também funcionar como TV e um canal de aúdio. Então, após as 19:00h, voltava-se a programação normal na TV. O sistema funcionou por 5 anos, tendo sido terminado em 30 de junho de 2000.

O cartucho tinha 1 megabit de RAM flash (1 megabit é 1/8 de megabyte). O hardware do Satellaview tinha 512K de memória (que permitia que os jogos do SNES funcionasse melhor), mais 256 Kbit de memória flash e uma ROM de 1-megabit para o sistema operacional. O adaptador mais o cartão era vendido a 4660 yen, ou $50. O Satellaview era vendido a 14.000 yen ($150), como já dito. Havia também uma taxa de inscrição para se conectar ao St GIGA, mas os downloads eram de graça.

Caixa do Satellaview

O aparelho foi muito bem recebido pela indústria e várias empresas prometeram dar suporte ao sistema, mas quem forneceu a maioria dos jogos foram a Nintendo e a Square. Alguns jogos lançandos foram F-Zero 2, Zelda, Excite Bike, Chrono Trigger, Super Mario Bros. 2 (BS Super Mario, que depois foi lançado como Super Mario Advance para Game Boy Advance) entre outros. Na maioria, eram jogos “remixes” que ficavam no ar por um tempo limitado. Quando o serviço foi cancelado, os jogos quase desaparecerem mas, graças a emulação, muitos ainda persistem, podendo serem jogados em emuladores.
Dentre os jogos lançados para o Satellaview, tivemos 3 Zeldas. O primeiro deles era um “remake” do Zelda 1 de NES (parece que há uma quest 2 desse remake, o que tornariam 4 Zeldas ao invés 3, mas não temos confirmação). Outro foi o relançamento do A Link To The Past de graça e inalterado. Por último, mas não menos importante, um Zelda feito usando a mesma engine do A Link To The Past, mas com modificações e história diferente. Esse último é exclusivo desse sistema e, pelo que sabemos, não há planos de relançá-lo (o que é uma pena!).
Hoje em dia, o sistema está inativo, tendo a sua maioria dos jogos encontrados na internet e rodados em emulador.
Para maiores informações, visite veja também esse artigo do NintendOnline(em inglês)

3 Respostas

  1. alguem me vende em satellaview??????????????

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: